Este blogue já não se encontra activo. Foi produto do trabalho desenvolvido pelo grupo de 4 alunas da Escola Secundária de Monserrate de Viana do Castelo, no ano lectivo 2010/2011.
Contudo, decidimos não apagar o blogue e deixar para os futuros visitantes alguma informação por nós recolhida no recorrer deste trabalho.
Obrigada àqueles que contactaram connosco e deixaram o seu feedback, foi de facto importante para o desenvolvimento deste trabalho.

terça-feira, 19 de abril de 2011

Cadeira de rodas conduzida com o olhar

    "  Uma cadeira de rodas eléctrica que pode ser conduzida apenas com o olhar é a mais recente novidade no âmbito do Projecto Magic Key, desenvolvido na Escola Superior de Tecnologia e Gestão do Instituto Politécnico da Guarda.
      Este trabalho, que constitui uma inovação a nível mundial, (...) surge na sequência de outras aplicações anteriores “já amplamente utilizados por pessoas com graves limitações físicas”.
“Mais do que uma ideia ou um mero protótipo, esta cadeira já foi testada recentemente, com sucesso, no Pólo Tecnológico de Lisboa, por um utilizador real”, adiantou o investigador, e docente, responsável pela Magic Wheelchair (...).
     Em Lisboa, o teste efectuado foi protagonizado pelo Dr. Pedro Monteiro, Presidente da Associação Portuguesa de Esclerose Lateral Amiotrófica, “cuja doença o impede de utilizar qualquer movimento voluntário do seu corpo sendo a única excepção a capacidade de movimentar os seus olhos”.
 
UM OLHAR QUE NOS GUIA
     A Magic Wheelchair (...) utiliza 10 sonares para aumentar as condições de segurança do seu utilizador e constitui uma inovadora solução para pessoas que não têm a possibilidade de usar o tradicional joystick de controlo, nomeadamente as pessoas tetraplégicas com boa capacidade de dicção.
 
Guarda - Cadeira conduzida pelo olhar - foto Helder Sequeira
     Nesta aplicação as palavras de comando podem ser transmitidas em português ou inglês; assim, após o utilizador desencadear o comando inicial “liga cadeira”, pode controlá-la pronunciando as palavras “anda”, “pára”, “recua”, “acelera”, “desacelera”, “esquerda” e “direita”.
     No caso de utilizador ordenar “desliga cadeira” esta, de imediato, deixará de aceitar as palavras de comando anteriormente indicadas e só activará essas instruções quando for dada a ordem “liga cadeira”; isto permite que o utente possa desenvolver uma conversação normal com outras pessoas sem ter qualquer preocupação em dizer as palavras de controlo deste equipamento.
     “Para quem não tem qualquer tipo de mobilidade isto é extremamente importante”, comentou-nos Luis Figueiredo que admite a introdução de alguns aperfeiçoamentos. “Contudo a cadeira está pronta para ser utilizada por qualquer pessoa”.
     De salientar (...) que a tecnologia desenvolvida na Magic Wheelchair permite a sua adaptação a qualquer tipo de cadeira eléctrica já existente no mercado, inclusive os modelos que não têm uma interface digital para ligação ao computador.
     A mesma interface de voz pode ser usada para interagir com outros sistemas: controlo de luzes, abertura de portas e janelas ou activação/desactivação de qualquer dispositivo que funcione com infravermelhos.
     O Magic key é uma aplicação nacional que começou a ser desenvolvida, há cinco anos atrás, pelo Prof. Luís Figueiredo, docente da da Escola Superior de Gestão e Tecnologia/IPG (...). "


1 comentário:

  1. Parabéns pela vossa excelente iniciativa (:
    Um beijinho, Vidas Especiais.

    ResponderEliminar

Obrigada por patilhares a tua opinião connosco.
[Para quem tiver blogue, o comentário será respondido no blogue de quem comentou para que a resposta não se perca. No caso de não o ter, a resposta será feita na mensagem comentada.]